Resultado Sisu – Notas de Corte SISU 2017

Os resultados do SiSU são divulgados no início de cada semestre letivo.

O SiSU – Sistema de Seleção Unificada – é o sistema informatizado administrado pelo Ministério da Educação (MEC) por meio do qual instituições públicas de ensino superior oferecem vagas em seus cursos para candidatos que tenham prestado o ENEM – Exame Nacional do Ensino Médio – no ano anterior.

Os resultados são divulgados nos sites das instituições participantes – 101 universidades e institutos tecnológicos utilizam o SiSU em seu processo seletivo no primeiro semestre de 2016.

sisu resultado

Resultados SISU 2017

Os resultados são informados em duas chamadas, além da lista de espera, para preenchimento de eventuais vagas que tenham ficado ociosas. Além das relações das instituições de ensino, os resultados também podem ser conhecidos no Boletim do Candidato, no site www.sisu.mec.gov.br ou pela Central de Atendimento do MEC, pelo número 0800-616161.

Atenção: os candidatos cujos nomes não tenham sido incluídos nos resultados das duas primeiras chamadas precisam confirmar seu interesse em continuar no processo de seleção no site do SiSU.

A convocação dos estudantes em lista de espera encerra o calendário do SiSU.

O processo de seleção é totalmente virtual: os estudantes de inscrevem no site do SiSU (é preciso informar o número de inscrição e senha do ENEM – concluintes do ensino médio que tenham obtido nota zero na prova de redação não podem se inscrever).

O sistema captura as notas do ENEM e classifica os candidatos de acordo com suas opções de carreira. Estudantes negros, indígenas, pardos e portadores de deficiência podem optar em concorrer pela seleção ampla (junto com todos os candidatos) ou para as vagas reservadas as ações afirmativas.

A partir do segundo dia após a inscrição, os candidatos já podem verificar as notas de corte e alterar suas carreiras, caso não tenham obtido nota suficiente.

+ Confira: SISU – O que é? Como Participar? Informações

sisu mec

É preciso estar atento ao cronograma, porque o SiSU apenas classifica os candidatos. As instituições de ensino participantes podem adotar a classificação apenas como parte do processo seletivo.

Em algumas, é considerado como a primeira fase do vestibular; em outras, são aplicadas provas de habilidades específicas.

Portanto, uma vez divulgados os resultados do SiSU, os selecionados devem estar prontos para a matrícula (com a documentação exigida por cada universidade) ou para submeter-se aos exames.

Neste ano, cotistas – que optaram pelas ações afirmativas – de baixa renda podem solicitar a bolsa de assistência estudantil, fixada em R$ 400,00.

O benefício será pago a estudantes de cursos com mais de cinco horas diárias de aulas, com renda familiar per capita de até um salário mínimo e meio. o benefício deve começar a ser pago em maio de 2013.

No primeiro semestre deste ano, o SiSU ofereceu quase 220 mil vagas (10% a mais do que no mesmo período de 2015), em 3.700 cursos espalhados por todo o país. Quase dois milhões de jovens se inscreveram. Em janeiro de 2016, tem início um novo processo seletivo.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *